Página Inicial
Diretoria
Notícias
Benefícios
Fale Conosco
 
 
 
 

Noticias

 

Câmara aprova novo modelo de gestão para hospital municipal Padre Germano Lauck e prefeito sanciona ainda no domingo dia 05/05/2013

Nesse domingo (05) a Lei que criou Fundação Municipal de Saúde de Foz do Iguaçu foi sancionada pelo prefeito e publicada no Diário Oficial do Município

Na manhã desse domingo, em sessão extraordinária, a Câmara aprovou em 1ª e 2ª discussões, o Projeto de Lei nº 44/2013, que autoriza o Poder Executivo a criar a Fundação Municipal de Saúde de Foz do Iguaçu, entidade pública de direito privado, que vai gerir o Hospital Municipal após o dia 18 de Junho, quando encerra o contrato com a Pró-Saúde- Organização Social que atualmente administração a unidade.

No início da sessão o líder do PT na Câmara – Fernando Duso (PT) foi à tribuna noticiar uma resolução do Partido dos Trabalhadores, que deliberava pela votação contrária ao Projeto.

A postura motivou intensa discussão na Casa de Leis e fez com que diversos parlamentares se pronunciassem a respeito do tema, ressaltando o fato do assunto já ter sido amplamente abordado e também da necessidade em se resolver a questão, devido ao término do contrato com a OS.

Os Vereadores lembraram que a Câmara iniciou o debate com a população por meio de duas audiências públicas propostas e presididas pelo vereador Rudinei de Moura (PSD), quando ouviu usuários do sistema, membros do Conselho de Saúde – COMUS, funcionários do órgão, respectivos Secretários e Conselhos dos 9 municípios Saúde da Regional de Saúde e também dirigentes da Pró-saúde. 

Posteriormente a isso, o Legislativo manteve o diálogo com os setores afins e também com o Ministério Público – que contesta a atual forma de gestão.

O Presidente do Legislativo – Zé Carlos (MD), mesmo não tendo a necessidade de votar foi à tribuna manifestar sua posição favorável à matéria, ratificando a preocupação com a saúde da população.

“A situação já foi discutida de forma exaustiva, todos os pareceres foram favoráveis à matéria, por isso declaro meu voto favorável, em respeito ao povo que precisa de uma definição”, enfatizou.

Mesmo após o debate, os Vereadores petistas - Duso e Anice mantiveram a posição do partido, votando contrariamente ao Projeto de Lei. Mas, a matéria obteve aprovação do Plenário com 10 votos a 2. A Lei foi sancionada pelo Prefeito nesse domingo (05) e publicada no mesmo dia no Diário Oficial do Município, já vigorando desde então.

MODELO DE GESTÃO - A Fundação proposta tem por finalidade a prestação de serviços assistenciais à saúde, médico-hospitalar, proteção e preservação da saúde humana e também atuar de forma integrada, de acordo com as políticas municipal, estadual e nacional de assistência à saúde, respeitando, para isso, a complexidade de assistência hospitalar a que estiver habilitada, conforme a fixação de metas de desempenho.

Ela será composta por um Conselho Curador, um Conselho Fiscal e uma Diretoria Executiva. Sendo o primeiro responsável pela direção, fiscalização e controle da entidade; o segundo pela fiscalização da gestão econômica e financeira e a Diretoria Executiva pela gestão, estando subordinada ao Conselho Curador.

A entidade será regida por esta Lei, por seu Regimento Interno, pelas Resoluções do seu Conselho Curador e da sua Diretoria Executiva e também pela legislação que lhe for aplicável. (Com Ass. Imp. CMFI)

 
•  Veja mais notícias
 
 
SEESSFIR - Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos e Serviços de Saúde de Foz do Iguaçu e Região
Rua Engenheiro Rebouças 1170 - Centro - CEP 85851-190 - Próximo Hotel Foz Plaza - Foz do Iguaçu / PR
Telefone (45) 3028-4831